A bancada do PSD na Câmara dos Deputados convidou nesta quarta-feira, 13, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, a ser candidato à Presidência da República pelo partido ano que vem. O ministro recebeu a proposta com entusiasmo, mesmo que não tenha respondido imediatamente.
O deputado Evandro Roman (PSD-PR), que participou do almoço, acredita que a política adotada por Meirelles é o caminho para manter o Brasil no rumo do crescimento econômico.
“Vamos seguir um modelo de gestão política e econômica que não funcionou durante 13 anos e levou o Brasil para a maior crise já vivida ou vamos apostar em dar sequencia a uma política de reformas que vai alavancar o crescimento do país e melhorar a situação econômica dos brasileiros?”, disse Roman.
O PSD, segundo Roman, tem certeza que a escolha de Meirelles deverá seguir impactando no mercado, resultado da confiança na política econômica aplicada pelo ministro.
“O país já está numa trajetória de crescimento e precisa continuar a crescer. O ministro tem experiência na vida privada e pública e contornou temas delicados buscando o caráter sustentável da trajetória da dívida pública. Ele conta com a racionalidade econômica para reequilibrar as contas públicas e sinalizar austeridade com o dinheiro que é da população”, adiantou Roman.
Segundo Roman, a política econômica de Meirelles vem trazendo bons resultados ao Brasil. Depois do convite feito pelo PSD ao ministro da Fazenda, o Ibovespa passou a ganhar força na tarde desta quarta-feira, e renovou o maior fechamento da história pelo terceiro pregão seguido.

(foto: PSD)